Prova em Macau junta 500 participantes

in Expresso, 26 de fevereiro de 2021

Legenda da Foto: Uma equipa de estudantes da Universidade de Ciência e Tecnologia venceu a edição de 2020 macaense

A edição de 2020 da competição neste território contou com 128 equipas de estudantes e quadros.

Quatro estudantes da Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau venceram em equipa a final local do Global Managament Challenge 2020, realizada recentemente neste território. Vão agora representar Macau na final internacional, agendada para o próximo mês de julho, em formato online.

Os 500 participantes que integraram a edição do Global Management Challenge 2020 macaense repartiram-se por 120 equipas de estudantes e oito de quadros. A final deste território, disputada por oito equipas selecionadas da primeira e segunda voltas, decorreu de forma presencial, apesar da pandemia.

“O governo de Macau tem sido relativamente bem sucedido na contenção da transmissão da covid-19 e na final seguimos os seus procedimentos e conselhos. Limitámos o número de pessoas, realizámos o controlo de temperatura e foi pedido aos participantes que mantivessem as máscaras e a devida distância social”, explica Jodie Lam, da Macau Management Association, entidade que organiza a competição neste território.

Os estudantes encontram na prova uma oportunidade de colocar em prática a teoria académica.

A equipa vencedora prepara-se agora para enfrentar os vencedores de mais de 30 países na final internacional da edição de 2020. Jodie Lam espera que estes jovens venham a obter um bom resultado no evento mundial, onde se irão deparar com fortes competidores, como Rússia e Portugal, países que na última final internacional realizada, referente a 2018, ficaram na primeira e segunda posições, respetivamente.

Para a organizadora macaense, esta prova é um treino prático na área da gestão. “Os estudantes têm aqui a oportunidade de colocar a teoria na prática. A prova é uma plataforma onde percebem as técnicas e regras de gestão de uma empresa e requer dos participantes competências e conhecimentos para lá do que aprenderam nos livros”, frisa Jodie Lam. Acrescenta que para os quadros esta é uma oportunidade “de mostrarem talento em diversas áreas, de comunicarem com outros quadros, criarem relações com outras indústrias e perceberem quais são as mais recentes tendências na área dos negócios”.

Jornalista/Expresso: Maribela Freitas
Foto: D.R.

Últimas Notícias

Patrocinadores

Apoios

Organização

Contacte-nos

Tem alguma questão? Envie-nos uma mensagem rápida, e respondemos o mais rápido possível.

Não consegue ler? Mude o texto. captcha txt

Insira o texto para pesquisar e pressione Enter

mba vfinalJoão Matoso Henriques na entrega de prémios da Final Nacional