SDG
EXPRESSO
SIC
|

Prova testa capacidades de gestão em estudantes e quadros

in Expresso, 19 de Maio 2018

Legenda da foto: A Direcção de Recursos Humanos da EDP juntou elementos das equipas que a vão representar.

A EDP vai apoiar 20 equipas na atual edição da prova, das quais oito são de quadros, oito de estudantes e quatro mistas.

Arranca no final do mês o Global Management Challenge 2018. A EDP há 16 anos que está ligada a esta iniciativa e apoia a participação de oito equipas de estudantes, oito de quadros e quatro mistas, que juntam estudantes e quadros. Para a empresa é uma forma de desenvolver competências nos colaboradores e atrair talento.

Já para os elementos das equipas é uma oportunidade para perceber melhor o complexo mundo da gestão. A EDP reuniu esta semana na sua sede em Lisboa, quadros e estudantes que vão integrar algumas das suas equipas. O objetivo foi conhecer melhor estes elementos e explicar um pouco do que vão viver ao longo das próximas semanas.

João Tavares, diretor-adjunto de recursos humanos da EDP explica que com este tipo de equipas querem “desenvolver um conjunto de competências nas pessoas relacionadas com a gestão, visão estratégica, tomada de decisão e negociação”. No caso das mistas, promove-se a convivência entre pessoas com diferentes experiências e nas de estudantes podemos “mostrar a realidade da EDP e aquilo que são os desafios de uma empresa que poderá ser um potencial empregador”, finaliza.

Vera Nunes, funcionária da EDP, lidera uma equipa mista nesta que vai ser a sua primeira participação na prova. “É uma oportunidade de voltar a temas e conceitos que estão muito próximos da minha formação base”, afirma. Quanto à mistura entre estudantes e quadros, acredita que será uma oportunidade para mostrar o que se faz na EDP e perceber melhor como pensa e age a nova geração que está a sair das faculdades. Também Rita Pires está envolvida numa equipa mista e defende que “vamos aliar o mundo profissional com pessoas que chegam das universidades, com ideias novas e frescas, o que é importante para trazer diversidade ao grupo”. Acrescenta ainda que “sou de engenharia, a gestão não é o meu foco diário e a competição irá melhorar o meu raciocínio em termos de gestão”.

Miguel Lagarto é gestor de projeto na EDP, lidera uma equipa de quadros, é formado em engenharia e concluiu recentemente uma formação em gestão. “Estou curioso para verificar a aplicabilidade do que aprendi num caso real de gestão de uma empresa e se consigo delinear uma estratégia de sucesso utilizando essas ferramentas”, conta.

Vítor Batista, que vai pela terceira vez participar numa equipa de quadros da EDP, explica que para se ter sucesso na prova “a empresa tem de saber onde quer estar, depois definir os pilares estratégicos para chegar lá, tomando decisões participadas e de longo prazo”.

Jornalista/Expresso: Maribela Freitas
Foto/Expresso: Tiago Miranda

Últimas Notícias

Patrocinadores

Apoios

Parceiros

Contacte-nos

Tem alguma questão? Envie-nos uma mensagem rápida, e respondemos o mais rápido possível.

Não consegue ler? Mude o texto. captcha txt

Insira o texto para pesquisar e pressione Enter

iseg.2milestone