SDG
EXPRESSO
SIC
|

Prova com 2000 equipas na china

in Expresso, 2 de Junho 2018

O Global Management Challenge chegou há mais de 20 anos à China, que atualmente é o país que atrai mais equipas todos os anos.

A primeira edição do Global Management Challenge na China decorreu em 1995. A competição começou de forma ténue neste território, com 70 equipas, mas na última edição, realizada no ano passado, chegou perto das 2000, mais concretamente 1943, formadas por estudantes universitários. Um número que se tem mantido mais ou menos constante nos últimos anos.

Segundo David Shi, organizador da competição na China, as equipas de universitários que competiram em 2017 vieram de diferentes níveis de ensino, a sua maioria de escolas de negócios, mas também houve estudantes de outros campos além da economia e gestão.

“O nosso foco vai continuar a ser a atração de equipas de universitários”, explica David Shi.

No entanto, e além da competição nacional, está a discutir-se com professores universitários a hipótese de desenvolver programas para as suas disciplinas, utilizando a metodologia do Global Management Challenge.

Talento, precisa-se

Na perspetiva de David Shi, “com o crescimento rápido da economia chinesa, o país precisa de grande número de pessoas talentosas que tenham conhecimento e experiência em gerir negócios. A competição ajuda os estudantes a estarem mais bem preparados”, frisa.

Shi acredita que nesta competição têm a oportunidade, numa simulação prática, de aplicar os conhecimentos adquiridos nos livros. Percebem ainda qual o papel que desempenham numa equipa e têm a possibilidade de criarem relações e trocarem experiências com elementos de outras equipas em cada edição em que participam. “Tudo isto faz com que os estudantes estejam mais confiantes na altura de procurar emprego depois da sua formação académica. E esta experiência pode ajudá-los quando querem ir estudar para universidades fora da China, já que a competição tem boa reputação em muitas instituições de ensino internacionalmente”, salienta o organizador chinês.

Cinco vezes vencedor

Durante os 23 anos em que a China tem desenvolvido esta competição, já venceu cinco finais internacionais, tendo ficado em segundo lugar na de 2017, onde se fez representar por cinco estudantes. Um desempenho que é igualado pela Rússia, que nos 12 anos em que integra esta competição, também já venceu cinco finais internacionais. É também depois da China o país com mais equipas participantes, tendo registado 1500 na edição de 2017.

Um dos planos de David Shi para o futuro da competição nesta território é desenvolver um programa com a metodologia do Global Management Challenge, mas dirigido aos estudantes do ensino secundário.

Jornalista/Expresso: Maribela Freitas

Últimas Notícias

Patrocinadores

Apoios

Parceiros

Contacte-nos

Tem alguma questão? Envie-nos uma mensagem rápida, e respondemos o mais rápido possível.

Não consegue ler? Mude o texto. captcha txt

Insira o texto para pesquisar e pressione Enter

Ministro_EconomiaJM