SDG
EXPRESSO
SIC
|

Brasil compete com equipa de estudantes pelo título mundial

in Expresso, 30 de Março 2018

Legenda: Anna Beatriz Ribeiro e Arthur Alberton Lenzi na final

Dois alunos de ciências tecnológicas vão representar o país na final internacional da edição de 2017.

O Brasil foi um dos últimos países a escolher a equipa com quem vai participar na final internacional do Global Management Challenge 2017 que se realiza de 16 a 18 do próximo mês no Dubai. A final local realizou-se este mês e dois estudantes do Centro de Ciências Tecnológicas da Universidade do Estado de Santa Catarina, formam a equipa escolhida para tentar levar para o outro lado do atlântico o título de campeão mundial.  Anna Beatriz Ribeiro e Arthur Alberton Lenzi são os dois elementos da equipa brasileira e na universidade onde estudam já tinham testado uma versão simplificada do Global Management Challenge. Em relação à competição nacional Anna  Beatriz Ribeiro refere que “não tínhamos ideia de quão difícil é a tomada de decisão e as consequências delas para uma empresa de verdade e acredito que a competição nos dá esse conhecimento”.

Já o seu colega de equipa, mais focado no evento internacional que vão enfrentar salienta que “agora é dedicação total para a final mundial e estamos treinando métodos para aumentar a velocidade da tomada de decisão”. É que vão estar a competir pelo título de campeão mundial da edição de 2017 com mais de 20 países e o Brasil não vence uma final internacional desde 1997.

Durante a edição brasileira a equipa vencedora contou com a orientação de um professor que já participou por três vezes na competição e mais tarde, ao ingressar na carreira académica, inseriu esta simulação nas disciplinas de administração. O Brasil foi o primeiro destino de internacionalização do Global Management Challenge, corria o ano de 1981. Nos últimos anos Marcelo Egéa, organizador local da prova, tem estado mais focado na atração de equipas de universitários do que de quadros. “Entendemos que isso vai ao encontro do principal espírito da competição no Brasil que é estimular o aprendizado prático da gestão empresarial entre os jovens”, explica.

Neste país a competição tem grande projeção entre os jovens pela dimensão e tipo de empresas que nos últimos três anos têm encontrado talentos através deste desafio. Na edição brasileira de 2017 participaram na prova 500 pessoas, distribuídas por mais de 100 equipas.

Jornalista Expresso: Maribela Freitas
Fotógrafo: Alexandre Machado

Últimas Notícias

Patrocinadores

Apoios

Parceiros

Contacte-nos

Tem alguma questão? Envie-nos uma mensagem rápida, e respondemos o mais rápido possível.

Não consegue ler? Mude o texto. captcha txt

Insira o texto para pesquisar e pressione Enter

AccentureAlmoço