SDG
EXPRESSO
SIC
|

Exercício prático que desenvolve competências

in Expresso, 28 de Setembro de 2019

Legenda da foto: Gonçalo Tomaz com Cláudia Batista, da Leroy Merlin.

A Leroy Merlin participou na edição de 2019 da competição com uma equipa de quadros oriundos de diferentes lojas espalhadas pelo país.

A tomada de decisão e a perceção do seu impacto num negócio são aspetos vivenciados pelos participantes do Global Management Challenge. Para a Leroy Merlin é importante proporcionar este tipo de ex- periências aos seus quadros já que os auxilia no desempenho das suas funções profissionais. “Esta é uma competição que tem uma componente estratégica bastante elevada e onde, tal como no nosso dia a dia, a tomada de decisão deve ser rápida e inteligente para garantir que temos sucesso”, explica Cláudia Batista, responsável pela área de aprendizagem e desenvolvimento da Leroy Merlin em Portugal.

Acredita que a possibilidade de trabalhar e desenvolver estas competências em ambiente controlado, tendo a oportunidade de ver rapidamente as alterações que as decisões da equipa provocam na concorrência e no negócio, é uma mais-valia no desenvolvimento dos colaboradores da empresa. A equipa de quadros apoiada pela Leroy Merlin não ficou apurada para a segunda volta. Mesmo assim Cláudia Batista considera que este desafio prático que desenvolve competências é por si só uma aposta ganha, independentemente do resultado obtido.

Afirma que “a experiência na prova tem-nos mostrado que há uma clara evolução ao nível da análise de informação, visão estratégica e conhecimento do negócio, competências que os nossos colaboradores põem em prática todos os dias, tanto nas operações como nos serviços internos”. Uma opinião que é corroborada por Gonçalo Tomaz, que juntamente com Joana Azevedo, Nuno Torres e João Carvalho, integraram a equipa de quadros da Leroy Merlin.

“Com esta experiência ganhei uma visão diferente de como algumas rubricas influenciam a performance e resultado operacional e a importância de uma política de marketing e investigação e desenvolvimento bem definida para o sucesso da empresa. Vai permitir-me olhar de forma mais assertiva e informada em algumas decisões diárias na gestão da nossa loja”, salienta. Esta foi a sua primeira participação na competição e destaca ainda a dinâmica vivida e os conhecimentos que teve necessidade de adquirir e desenvolver. Formada por chefes e diretores das lojas de Matosinhos, Évora, Castelo Branco e Sintra, a equipa apostou na divisão de funções dentro da empresa. “As decisões de estratégia do grupo eram depois concertadas em reunião presencial uma vez por semana”, conta Joana Azevedo. E apesar do resultado obtido considera que esta é “uma experiência a repetir”.

Jornalista/Expresso: Maribela Freitas
Fotógrafo/Expresso: João Girão

Últimas Notícias

Patrocinadores

Apoios

Parceiros

Contacte-nos

Tem alguma questão? Envie-nos uma mensagem rápida, e respondemos o mais rápido possível.

Não consegue ler? Mude o texto. captcha txt

Insira o texto para pesquisar e pressione Enter

milestoneMestrado